Os alemães e croatas esperam que seja o clube a dar o primeiro passo, embora a instituição trabalhe sempre com a máxima paciência nestas situações.

Fonte