Jesus Navas deixará o Sevilla no final da temporada, após 21 anos no clube.

A seleção espanhola, que conquistou a Copa do Mundo e dois campeonatos europeus pelo seu país, anunciou sua decisão aos companheiros e à comissão técnica após o treino da manhã de quinta-feira.

Navas, de 38 anos, começou sua carreira no Sevilla antes de ingressar no Manchester City em 2013, conquistando o título da liga em sua primeira temporada na Inglaterra.

Ele retornou ao clube de sua cidade natal em 2017 e foi fundamental para ajudá-los a vencer a Liga Europa em 2019 e 2022.

O extremo marcou 39 golos e fez 119 remates à baliza em 688 jogos em todas as competições pela Andaluzia.

Ele venceu a Liga Europa quatro vezes no total com o Sevilla – o falecido José Antonio Reyes, ex-companheiro de Navas, é o único jogador da história a ter vencido a competição mais vezes.

VÁ MAIS FUNDO

Jesus Navas mostrou porque o Sevilla nunca desiste

O último jogo de Navas pelo Sevilla terminou com uma derrota por 1 a 0 para o Cádiz na noite de quarta-feira.

Um choroso Navas foi aplaudido de pé depois que Ramon Sanchez-Pizjuan saiu aos 84 minutos.

Um comunicado do clube dizia: “O FC Sevilla deseja a Jesus Navas boa sorte no seu novo desafio profissional e agradece-lhe a dedicação, profissionalismo e integridade com que defendeu a camisola do Nervión, que se tornou o seu maior símbolo”.

O clube acrescentou que deixaria a porta aberta para que Navas regressasse como treinador no futuro para “iniciar uma nova fase numa função profissional diferente”.

Navas se aposentará oficialmente após o último jogo da temporada do Sevilla contra o Barcelona, ​​em 25 de maio.

(Foto de Fran Santiago/Getty Images)

Fonte