A competição nacional está com 28 partidas sem data e a CBF reluta em estender o calendário para além de dezembro para não comprometer a temporada 2025.

O adiamento da 7ª e 8ª rodadas do Brasileirão mais uma vez levantou o debate sobre o apertado calendário do futebol nacional. A CBF mostrou-se muito relutante em implementar esta medida, mas depois de 15 clubes da primeira divisão, além de Federação Gaúcha de Futebol (FGF)Ao solicitar a suspensão oficial do campeonato devido à tragédia das chuvas no Rio Grande do Sul, três times do estado disputam a Série A: Grêmio, Internacional e Juventude – o time tricolor também disputa a Copa Libertadores. Com a enxurrada de CTs e estádios, as federações dizem que a continuação da competição vai contra o princípio da igualdade entre as equipes. Por outro lado, a CBF teme que a greve crie uma “bola de neve” no calendário.

Além dos 20 jogos das próximas duas rodadas do Brasil, mais oito já foram adiados, sendo cinco deles por alagamentos no RS, dois pelo compromisso das seleções com a Copa Verde e outro pela Copa do Nordeste. Todos os 28 jogos ainda não têm data de lançamento. Atualmente apenas os jogos da Série A estão suspensos. Outras competições dirigidas pela CBF, como a Copa do Brasil, os jogos das divisões inferiores do Campeonato Brasileiro e os debates no futebol feminino continuam.

“Grêmio”, “Inter”, “Juventude”, que foram afetados pela chuva, estão quatro jogos atrás dos demais. Apesar de não terem sido diretamente afetados pela tragédia, Cuiabá e Crisiumá tiveram outros tantos jogos adiados por disputas regionais. Uma alternativa é hospedar partidas com dados da FIFAtimes perdedores com jogadores do draft – o time do Colorado, por exemplo, pode convocar pelo menos quatro jogadores. O próximo período reservado para compromissos entre seleções acontecerá de 3 a 11 de junho. Não no segundo semestre, para as eliminatórias da Copa do Mundo, as discussões acontecem três vezes (setembro, outubro e novembro)..



Ednaldo Rodríguez, presidente da CBF, se recusa a prorrogar o Brasilei além de dezembro.

Foto: Wilton Junior/Estadão / Estadão

Vale a pena notar que Brasil não ficará parado durante a Copa Américaque está marcado para 24 de junho, e vários times terão que jogar sem jogadores. Há uma oportunidade de atribuir mais correspondências durante o debate continental. As partidas adiadas de Grêmio e Inter pela Libertadores e Sul Americana já foram marcadas pela Conmebol para acontecer na primeira semana de junho (8 e 4, respectivamente). A potencial eliminação de competições eliminatórias, como a Libertadores, facilita a correspondência de datas.

A CBF quer evitar ao máximo estender o Brasil além do calendárioO fechamento está previsto para o início de dezembro. Isso porque é no ano da Super Copa do Mundo FIFA que a pré-temporada entre os clubes pode ser afetada.que pode contar com quatro seleções, caso Grêmio, Botafogo, São Paulo ou Atlético-MG conquistem a Libertadores – Palmeiras, Flamengo e Fluminense já garantiram vaga para vencer as últimas edições. A legislação trabalhista estipula pelo menos 30 dias de licença para atletas.

O Internacional retomou as atividades nesta quarta-feira, dia 15, após 12 dias sem jogar ou treinar. O trabalho aconteceu no complexo esportivo da PUC-RS. O Grêmio realizará seu primeiro treino após as enchentes na sexta-feira, 17, enquanto o Juventude, de Casias do Sul, na serra gaúcha, volta a treinar na terça-feira, 14, o Criciúma, de Santa Catarina, dia sem. qualquer partida oficial até a véspera do confronto com o Bahia, dia 23 de maio, pela Copa do Brasil.

Devido à enchente no Beira-Rio, o Inter calculou o prazo de reaproveitamento do estádio em 45 dias. Até lá, a tendência de Colorados e Grêmio é mandar partidas para fora do Rio Grande do Sul – o aeroporto Salgado Filho, em Porto Alegre, está com operações suspensas até setembro. As cidades de Santa Catarina, Paraná e São Paulo são estudadas pelas duas diretorias.

Confira os jogos atrasados ​​do Brasil*

  • Inter-Juventude (6ª rodada)
  • Atlético MG x Grêmio (6ª rodada)
  • Crisiuma x Cuyaba (6ª rodada)**
  • Grêmio x Crisiumá (5ª rodada)
  • Cruzeiro x Inter (5ª rodada)
  • Juventude x Atlético-GO (5ª rodada)
  • Crisiumá x Fortaleza (3ª rodada)***
  • Cuiabá x Vitória (segunda rodada)**

*Incluindo os períodos 7 e 8

** Adiado devido à Copa Verde

***Atrasado devido à Copa do Nordeste

Fonte