Colômbia marcou os dois gols na vitória do Riverista em Buenos Aires




Foto: Divulgação/River Plate – Legenda: Millonario chega a 13 pontos no Grupo H / Jogada10

O River Plate disputou a quinta rodada da fase de grupos da Libertadores com um placar de 2 a 0 no Mas Monumental, vencendo os argentinos por 2 a 0 e somando 13 pontos no grupo. H, e seu carimbo de passaporte para a 16ª rodada. A chave também está na última colocação, com um ponto atrás de Nacional (sete pontos), Libertad (quatro) e Deportivo Táchira.

Nos primeiros momentos do jogo, o River foi rápido em transformar a vantagem em vantagem, já que Agustin Sant’Anna e Nacho Fernandez tiveram boas chances. Porém, o arqueiro Rodrigo Morinigo e até um jogador do time, Miguel Borja, se tornaram obstáculos para a primeira tentativa.

Os paraguaios ainda conseguiram ajustar melhor a marcação, dividindo a posse de forma uniforme ao longo do primeiro tempo. Porém, antes do intervalo, o River continuou ameaçando até abrir o placar aos 42 minutos. Após chute de Milton Casco pela esquerda, Borja dominou a área, girou e chutou para a rede de Morinigo.

Borja ao resgate

A recuperação das equipes, nos acréscimos, foi marcada pela ousadia do Libertad em avançar suas linhas para abafar o ritmo adversário. A iniciativa conseguiu chegar perto do gol adversário, mas não conseguiu converter a melhor oportunidade criada. Após excelente passe na grande área, Roque Santa Cruz parou após excelente intervenção de Franco Armani.

Após 15 minutos e com alterações de Millonario, o controle da ação voltou ao equilíbrio. Com isso, mesmo sem muita pressão, o River Plate abriu espaços suficientes para aumentar a vantagem, mas teve dificuldades para finalizar o jogo. E mais uma vez coube a Borja mudar esse cenário aos 41 anos. O colombiano recebeu passe na entrada da área, endireitou o corpo e enrolou lindamente no canto esquerdo de Rodrigo Morinigo. 2 a 0, placar final em Buenos Aires.

Siga Jogada10 nas redes sociais: Twitter, Instagram d Facebook.



Fonte