Quarta-feira, 12 de junho de 2024 – 04h16 WIB

Jacarta – A Comissão II DPR RI solicitou ao Ministério do Planeamento Agrário e Regional/Agência Nacional de Terras (Ministério da ATR/BPN), liderado pelo Ministro Agus Harimurti Yudhoyono (AHY), que não demorasse a responder aos relatórios públicos sobre casos de máfia fundiária na Indonésia.

Leia também:

Os democratas estão apelando ao general da polícia aposentado para concorrer nas eleições para governador de Maluku em 2024.

O Vice-Presidente da Comissão II DPR RI Junimart Girsang leu o resumo da reunião de trabalho com o Ministro da AHY e o Vice-Ministro Raja Julie Antoni, bem como com as fileiras do Ministério da ATR/BPN no edifício do DPR RI na terça-feira, junho 11, 2024.

Junimart disse que o Ministério da ATR/BPN deveria reagir rapidamente ao lidar com casos de máfia fundiária relatados pelo público.

Leia também:

AHY emite passagem para Herman Deru e Chik Ujang concorrerem às eleições para governador de Sumatra do Sul

“No que diz respeito à máfia fundiária, a Comissão II do DPR RI solicitou ao Ministério da ATR/BPN que resolvesse os casos de máfia fundiária através de uma resposta rápida aos relatórios públicos, de uma maior coordenação e cooperação com as agências de aplicação da lei, bem como de melhorias abrangentes no Ministério da ATR/ BPN. Junimart reportado na terça-feira, 11 de junho de 2024 por Antara.

Ministro da Agricultura e Ordenamento do Território/Chefe da Agência Nacional de Terras (ATR/BPN), Agus Harimurthy Yudhoyono (AHY)

Foto:

  • VIVA.co.id/Rahmat Fathillah Inspiração

Leia também:

Os democratas decidiram os nomes dos candidatos para as eleições regionais de 2024, recomendações serão feitas em breve

Além disso, disse Junimart, a Comissão II do DPR também solicitou ao Ministério da ATR/BPN que revisse imediatamente o Regulamento Ministerial ATR/BPN n.º 21 de 2020 sobre o processamento e resolução de casos fundiários para reduzir os movimentos da máfia fundiária. ver

Em seguida, o Ministério da ATR/BPN deverá rever a política de certificados electrónicos considerando a elevada dependência da tecnologia que requer preparação desde vários aspectos como orçamento, recursos humanos, infra-estruturas, acessibilidade e segurança.

Além disso, o Ministério da ATR/BPN é encorajado a melhorar a coordenação com os ministérios e/ou agências relacionados para minimizar o problema da duplicação de poderes nos sectores fundiário, florestal e mineiro.

Além disso, a Comissão II do DPR apoia o Ministério da ATR/BPN na agilização da publicação dos Planos de Ordenamento do Território (RDTR), que servem de referência para a emissão de licenças para cumprimento de atividades de uso do espaço (KKPR).

Em seguida, Junimart disse que a Comissão II DPR solicitou ao Ministério da ATR/BPN que prestasse a máxima assistência aos funcionários do Ministério.

Próxima página

Além disso, o Ministério da ATR/BPN é encorajado a melhorar a coordenação com os ministérios e/ou agências relacionados para minimizar o problema da duplicação de poderes nos sectores fundiário, florestal e mineiro.

Próxima página



Fonte